Header Ads

Eletrobras Rondônia diz que não é responsável pela região de comunidade que bloqueia BR-364



Sem previsão para liberação, manifestantes da comunidade amazonense Curuquetê continuam com o bloqueio da BR-364, iniciado na manhã de terça-feira (24), em Vista Alegre do Abunã, distrito de Porto Velho. De acordo com a Polícia Rodoviária Federal (PRF), uma equipe foi até o local e registrou um congestionamento de quatro quilômetros. A interdição da rodovia já dura mais de 30 horas.

Segundo a PRF, os moradores de Curuquetê, comunidade do interior do Amazonas distante cerca de 60 quilômetros de Vista Alegre do Abunã, cobram energia elétrica e exigem a presença de um representante da Eletrobras para liberar a rodovia.

Por telefone, a assessoria da Eletrobrás de Rondônia informou que a comunidade Curuquetê não pertence ao estado, logo não pode se comprometer a resolver o problema. A responsabilidade é a concessionária no Amazonas.

Ao RONDONIAGORA, a Assessoria da Eletrobras Distribuição Amazonas informou que desconhecia o protesto, mas que vai analisar o que está acontecendo para se manifestar sobre o assunto.

FONTE RONDONIAGORA
Eletrobras Rondônia diz que não é responsável pela região de comunidade que bloqueia BR-364 Eletrobras Rondônia diz que não é responsável pela região de comunidade que bloqueia BR-364 Reviewed by Edivaldo Fogaça on abril 26, 2018 Rating: 5

Nenhum comentário

Recent Posts

Recent