Header Ads

BR-364 registra bloqueios em três pontos: Com os protestos, o Estado do Acre fica isolado do restante do país



As manifestações dos moradores dos distritos de Porto Velho ao longo do eixo da BR-364 ganharam força nesta quinta-feira (17). Segundo a Polícia Rodoviária Federal (PRF), há bloqueios em três pontos: Vista Alegre do Abunã, Nova Mutum e, o mais recente, Nova Califórnia. As reivindicações são por melhorias na educação e saúde nas três localidades. Mas em Vista Alegre do Abunã se estende também à ação do Ibama que fechou madeireiras consideras irregulares durante uma operação na região.

Com os protestos, o Estado do Acre fica isolado do restante do país, pois a rodovia federal é a única rota de acesso terrestre dos acreanos. Para amenizar a situação, os policiais rodoviários tentam liberações temporárias, para reduzir o congestionamento e motoristas prosseguirem viagens. Em Vista Alegre do Abunã, por exemplo, os manifestantes liberam algumas prioridades, com aconteceu com uma mulher gestante que começa a sentir as contrações do parto.

Ainda conforme a PRF, os bloqueios ocorrem em uma faixa de 250 quilômetros onde todos são atendidos por um único posto da instituição, localizado no quilômetro 760.

A BR foi fechada em Vista Alegre do Abunã nas imediações do quilômetro 970 no início da noite da última terça-feira (15). Já em Nova Mutum teve início na madrugada desta quinta-feira (17), nas proximidades da Usina de Jirau, no quilômetro 821. Já por volta das 8 horas desta quinta-feira, os moradores de Nova Califórnia, distrito já na divisa com o Acre, bloqueou o quilômetro 1065 da rodovia federal.

Manifestação começou em Vista Alegre na última terça-feira (Foto: PRF/Divulgação)


Respostas às reivindicações

Com relação ao transporte escolar cobrado em todos os distritos, a Secretaria Municipal de Educação (Semed) informou que já foi assinada a ordem de serviço para que as empresas iniciem o transporte dos alunos. Com os prazos necessários e legais, todo o transporte escolar deve ser normalizado até a próxima semana. A pasta citou ainda que em Rio Pardo, por exemplo, os estudantes voltaram às aulas.

No caso específico de Vista Alegre do Abunã, os moradores também reclamam das condições da Escola Municipal Maria Casarotto Abatti, escola antiga na região e que não passou por nenhuma reforma ou ampliação desde sua inauguração. A unidade recebeu uma grande demanda nos últimos oito anos e necessita de novas salas, e reforma em todo o prédio. A Semed garantiu que já concluiu o projeto para essa reforma e o processo está na Secretaria Municipal de Licitações (SML). O valor a ser investido é de R$1,1 milhão.

Sobre a necessidade de mais professores para os distritos exigidos pelos moradores, a Semed esclareceu que já convocou, por meio de processo emergencial, novos profissionais e aguarda a apresentação para a devida posse, o que deve acontecer em até 30 dias. Os manifestantes de Vista Alegre do Abunã relatam que há três turmas sem aulas devido a essa carência de professores.

Com relação à falta de ambulância no distrito, a Secretaria Municipal de Saúde (Semusa) informou que a que atendia Vista Alegre do Abunã está danificada, mas outra já foi enviada para o distrito.

Madeireiras
Segundo a PRF, havia a informação de uma reunião entre os representantes de Vista Alegre do Abunã e Ibama sobre o fechamento das madeireiras pelo órgão durante uma fiscalização na região, que encontrou irregularidades. Ao Rondoniagora, o órgão informou que não aconteceu a reunião e o superintendente está em Brasília e só deve retornar ao estado nesta sexta-feira (18).

Em Nova Mutum, manifestantes atearam fogo em pneus e madeira e exigem melhor educação (Foto: Reprodução Whatsapp)
Extensão da BR-364 onde ocorrem os três bloqueios, deixando o Acre isolado

fonte rondoniagora


BR-364 registra bloqueios em três pontos: Com os protestos, o Estado do Acre fica isolado do restante do país BR-364 registra bloqueios em três pontos:  Com os protestos, o Estado do Acre fica isolado do restante do país Reviewed by Edivaldo Fogaça on maio 17, 2018 Rating: 5

Nenhum comentário

Recent Posts

Recent