Header Ads

Candidatos ao Governo do Estado se enfrentam no último debate



Rondônia - Seis candidatos ao Governo de Rondônia participaram do debate realizado pela Rede Amazônica de Televisão na noite desta terça-feira (2) em Porto Velho. Durante cerca de duas horas, os candidatos convidados apresentaram propostas para diferentes áreas, como: segurança pública, educação, desenvolvimento do interior, moradia e regularização fundiária.

O último debate realizado com os que concorrem ao cargo este ano foi mediado pelo jornalista Wilson Kirsche. Acir Gurgacz (PDT), Coronel Marcos Rocha (PSL), Expedito Júnior (PSDB), Maurão de Carvalho (MDB), Pimenta de Rondônia (PSOL) e Vinícius Miguel (REDE) foram os candidatos convidados para o Programa.

Duas regras foram usadas para a participação: candidatos dos partidos com representação no Congresso Nacional de, no mínimo, cinco parlamentares. Também foram convidados candidatos com mais de 5% das intenções de votos com base na última pesquisa Ibope em Rondônia.

O debate foi dividido em quatro blocos. No primeiro e no terceiro blocos os candidatos fizeram perguntas de tema livre. Já no segundo e quarto blocos os temas aos candidatos foram determinados por sorteio ao vivo no estúdio. Ainda no último bloco, cada candidato pôde fazer as considerações finais.

Segundo a regra, assinada pelos partidos, os candidatos tiveram 30 segundos para formular as perguntas, um minuto e 30 segundos para as respostas, um minuto para réplica e um minuto para a tréplica. No quarto e último bloco, cada candidato teve um minuto para considerações finais que podem ser conferidas a seguir:

Acir Gurgacz (PDT)

"Olá meus amigos e minhas amigas. Eu não sou político profissional. Sou empresário, sou trabalhador. Deu para ver que eu não venho aqui de quatro em quatro anos fazendo promessas e colocando frases bonitas que não são cumpridas. Estou sofrendo uma injustiça muito grande. Esse processo que foi falado aqui não tem nada a ver com dinheiro público, é um empréstimo de uma empresa em um banco que foi pago cem por cento. Eu fui apenas avalista. Vim aqui para dizer a vocês que eu tenho um projeto para o Estado de Rondônia. Temos um planejamento para fazer uma gestão de qualidade, dando prioridade a educação, dando prioridade a levar a saúde mais próxima da população. Para isso, eu garanto a você, no dia 7 não deixe de votar no 12. O nosso número estará lá para você que realmente quer fazer a mudança, fazer o seu voto de qualidade".

Coronel Marcos Rocha (PSL)

"Quero agradecer a Deus esta oportunidade. Quero agradecer a todas as pessoas que eu tenho encontrado ao longo dessa caminhada nesse primeiro turno. Agradecer porque foi muito carinho de todos vocês, de todos aqueles que defendem o nome Bolsonaro e o nome Coronel Marcos Rocha, vamos juntos mudar Rondônia! Quero dizer que eu sou um homem ficha limpa, eu não tenho nenhum processo, nada, nenhum processo no Ministério Público, como aqui foi falado. Muitas vezes as pessoas tendem a contar mentiras para poder tentar denegrir a imagem do outro, e isso tem sido normal em campanhas políticas. Mas eu sou um homem correto, sou um cristão, sou um pai, esposo, e juntos, nós vamos mudar de verdade. Não se trata de campanha política mais, é a salvação do nosso país, a salvação das nossas crianças desses que são avermelhados, que vermelham a nossa bandeira. Não podemos, nossa bandeira é verde e amarela e vamos juntos mudar Rondônia e mudar o Brasil de verdade".

Expedito Júnior (PSDB)

“Durante toda a nossa campanha eu anunciei que estava pronto e preparado para ser governador do estado de Rondônia, mas quem está preparado são vocês, o povo do nosso Estado. Está preparado para avançar mais, está preparado, com certeza, e exigindo do próximo governador que invista na qualidade da nossa saúde, na qualidade da nossa educação, na qualidade da nossa segurança pública e que faça um governo mais humano. Eu vou fazer um governo mais humano. Esse é um compromisso que eu tenho assumido com 52 municípios do estado de Rondônia, por isso, nesse momento, eu peço a sua oportunidade, oportunidade de poder governar nosso Estado e, com transparência, a partir do dia 1°. Agradeço a todos vocês, que nos receberam na sua casa, por intermédio do rádio, da televisão e também dos nossos colaboradores de campanha. Vote no Expedito, vote no 45, vote na mudança”.

Pimenta de Rondônia (PSOL)

"Quero agradecer a Deus por essa oportunidade, quero agradecer as crianças por onde eu passo na rua, que cantam o hino do Pimenta. Quero agradecer também as formiguinhas dos demais candidatos, que onde passo, me declaram voto. A minha família, meus filhos que aqui vieram. Quero agradecer também a candidata a senadora Fátima Cleide, que será a única mulher senadora de Rondônia. E ao jornalista Paulo Benito, que é o meu vice. Quero agradecer o povo de Rondônia, dizer que eu aqui disse o que o povo queria ouvir, a população que me para na rua e me pede o que eu devo questionar. E aqueles candidatos que aqui estão, eu tenho que dizer o seguinte: ajoelhou, tem que rezar! O Pimenta de Rondônia é a esperança do povo e a mudança, por isso, eu quero pedir o seu voto, para governar Rondônia. Um homem que não tem medo e que não tem conchavo. Pimenta de Rondônia candidato a governador com o número 50".

Maurão de Carvalho (MDB)

"Olá meu amigos, meus irmãos. Agora é o momento que eu quero agradecer, agradecer a Deus por essa oportunidade, praticamente 40 dias já de campanha. Eu estive na sua casa, visitando, fui muito bem recebido. A você que está levando nosso nome, levando número 15, pode levar. Maurão está preparado para governar. Eu vou fazer muito pela saúde, pela educação, pela segurança, vou fazer pela agricultura porque eu entendo. Fui prefeito, fui deputado, fui presidente da Assembleia, estou preparado para governar Rondônia. Preciso do seu apoio. Vote no 15, Maurão de Carvalho para governar Rondônia. Não podemos votar em alguém que não está preparado, não é experiente, que está aí apenas aventurando uma candidatura. Eu estou de verdade. Acredito que vou fazer a mudança, vou fazer, assim, mais por Rondônia".

Vinícius Miguel (REDE)

"Agradeço a Deus a oportunidade de ter disputado esses 45 dias de uma intensa campanha. Gostaria de falar com os indecisos, com aqueles órfãos de candidatos. A abstenção não é a melhor opção. Nós precisamos votar em pessoas éticas, pessoas honestas, pessoas qualificadas e preparadas para o governo do estado. Eu sou essa pessoa, Vinícius Miguel. Eu também gostaria de lembrar que, às vezes, é mais fácil ceder do que lutar. Muitas vezes o inimigo parece invencível, mas ainda assim é preciso caminhar e vencer aqueles Golias. Eu sou Vinícius Miguel, 18, candidato a governador, que tem apresentado as melhores ideias, os melhores projetos e o melhor planejamento para a Rondônia que nós queremos, junto com Aluízio Vidal e Bosco da Federal no Senado do nosso país, nós iremos mudar definitivamente a política brasileira".
Candidatos ao Governo do Estado se enfrentam no último debate Candidatos ao Governo do Estado se enfrentam no último debate Reviewed by Voz de Rondônia on outubro 03, 2018 Rating: 5

Nenhum comentário

Recent Posts

Recent